Sense8

Por: Handerson Faria

Depois de uma longa espera, os fãs de Sense8, série de ficção produzida pela Netflix,  já podem começar a soltar aquele rojão que havia ficado guardado ou para os mais contidos apenas se programar para maratonar a segunda temporada. Porque sim! A segunda temporada vem aí, foi anunciada pela plataforma para o dia 05 de Maio.
 

Como se trata de uma produção que já teve uma primeira temporada não entrarei em muitos detalhes e explicações sobre a série em si e toda sua narrativa. Mas se caso você é daqueles mais distraídos ou não faz ideia de que raios é Sense8, ok! Não se preocupe, vamos introduzi-lo brevemente no mundo dos sensates.
A primeira coisa que você deve saber, e isso é uma espécie de conselho, embora o ditado diga que conselho não é bom por ser de graça, é que dê o play no primeiro episódio de mente aberta. E digo isso, pois ela aborda em paralelo a trama central questões que até pouco tempo atrás eram bem ignoradas, infelizmente, nesse tipo de produção.
Para se ter uma ideia, entre os protagonistas estão uma hacker transexual lésbica, um astro gay do cinema mexicano que tem medo de se assumir e uma Dj que sofre com relacionamentos abusivos. Tudo isso, assim, numa pancada só e você irá se identificar com cada um deles.
Além... claro, de sexo! Sim, muitas cenas de sexo...enfim, falando em português claro, uma série de temas que lamentavelmente, no ano de 2017, pasmem! Ainda são tabus.
Mas dito isso, vamos à série. O enredo gira em torno de 8 pessoas de países e culturas diferentes, que não se conhecem, de mundos completamente distintos e sem nenhuma ligação, nesse primeiro momento, entre eles, mas que de alguma forma começam a compartilhar entre si suas emoções, sensações, sentimentos e habilidades. E não fazem ideia do que é e como isso está acontecendo.
Ao mesmo tempo uma organização começa a caçá-los para destruí-los e outra quer uni-los. A partir daí a série vai se desenvolvendo, os personagens vão sendo apresentados e seu cérebro vai dar uma leve explodida em alguns momentos, vai ficar confuso em outros, mas a explicação está ali, com a dose certa de atenção ajustada você enxergará o “quadro todo”, afinal é teoria de conspiração pra todo lado e você vai ficar louco para descobrir a verdade.
Para aqueles que já viram a primeira temporada, a segunda promete responder uma série de perguntas e encaixar peças que foram criadas de forma bem inteligente no fim da primeira.
Outro aspecto interessante é que nesse momento já se conhece de forma bem razoável cada um dos 8 sensates, já estamos identificados com eles, o que abre espaço para direcionar nossa atenção para outros aspectos que ainda são uma grande incógnita.
Em linhas gerais, o que se pode dizer sobre Sense8 é que é uma série diferente do que estávamos acostumados, e ela meio que caiu naquele tão famoso limbo do “Ame-o ou Odeio-o”. Muitos enxergam a produção como algo brilhante enquanto outros acham que é uma das maiores porcarias já criadas pela humanidade desde que começaram a usar calças.
Não quero influenciar ninguém, mas, ao menos em minha opinião uma coisa que é capaz de desenvolver esses extremos é certamente algo para se buscar conhecimento, entendimento e merece uma atenção especial.
A título de curiosidade, a segunda temporada contará com cenas gravadas na 20ª Parada Gay de São Paulo, no ano passado, e também em outros pontos da capital paulista.
Mais uma vez lembrando, a segunda temporada estreia hoje dia 05 de maio e os 13 episódios da primeira, além de um especial de Natal, estão disponíveis na Netflix para você chegar afiado no dia 05 ou se ainda não assistiu entender todo o contexto e tirar suas conclusões.

Share this: