Guardiões da Galáxia Vol 2.

Lançamento: 27 de abril de 2017 (2H18M) 
Direção: James Gunn
Nacionalidade: EUA 

Pare tudo o que estiver fazendo e, caso ainda não tenha visto, vá ao cinema assistir Guardiões da Galáxia Volume 2. O filme está sensacional, os heróis são impagáveis é diversão garantida do começo ao fim.

É preciso dizer que o primeiro filme dos Guardiões foi um tiro no escuro, mas um tiro que não continha lá tanta pressão de estabelecer uma franquia. A intenção foi surfar na onda dos Vingadores e apresentar mais um esquadrão da Marvel ao público para expandir o universo Marvel para os planos futuros. Mesmo assim creio que nem nos melhores sonhos dos produtores o sucesso seria tão grande.


A empatia com os Guardiões é instantânea, Senhor das Estrelas, Gamora, Drax, Rocky e, principalmente, Groot, trazem um clima diferente e gostoso para os filmes do gênero.

Também é importante dizer que não é fácil criar estes heróis nos cinemas, já que eles são praticamente um "segundo escalão" da Marvel. Para mostrar o quão difícil é trabalhar estes personagens basta assistir ao Esquadrão Suicida da "rival" DC. 

Voltando a crítica do filme, o novo Guardiões da Galáxia introduz novos personagens, um novo vilão, novas histórias paralelas aos personagens principais e consegue fazer tudo ter sentido. Amarrando um caso no outro de forma simples. 

O foco principal está no Senhor das Estrelas e o relacionamento com seu pai biológico o Planeta Ego, mas isso não quer dizer que o mocinho terá muito mais tempo de tela que seus companheiros, tudo é muito bem dividido, fazendo com que todos sejam bem trabalhados e tenham sua importância na história que está sendo contada. 

É muito difícil achar um ponto fraco no filme, a diversão acaba mascarando qualquer tipo de problema que a produção tenha. Risadas e mais risadas com a fofura do Baby Groot, com as referências do Senhor das Estrelas, com as piadas pesadas do Rocky e um Drax sensacional que mostra toda sua delicadeza com Mantis, espécie de assistente de Ego. Talvez as únicas deslocadas na história sejam Gamora e sua irmã Nebula que fazem um contrapeso importante no humor. 

Volto a pedir, vá ao cinema, prestigie Guardiões, o filme está muito bom. Não há um ser humano que saia sem dar um bocado de risadas.

 Nota:
🎬 🎬 🎬 🎬 🎬

Share this: